INSTITUCIONAL

HOSPITAL DO CORAÇÃO

A Clínica de Campo Grande foi fundada em 29 de abril de 1963, devido à sobrecarga das salas de operações da Santa Casa e da Casa de Saúde Santa Maria no período matutino, porque os médicos não tinham o hábito de realizar cirurgias no período vespertino. Sendo assim, alguns médicos reuniram-se e resolveram construir um novo hospital que seria aberto aos médicos da cidade. A sua construção configurou a execução do primeiro projeto arquitetônico elaborado especificamente para instalações de unidades hospitalares na cidade de Campo Grande, condição que vem permitindo adaptação de sua estrutura original às exigências de modernização de suas instalações e equipamentos operacionais.

A Clínica contava com duas enfermeiras, uma como chefe geral e outra como chefe do Centro Cirúrgico. Cada qual comandava seu grupo de técnicos e auxiliares implantando os princípios de assepsia. Esse Centro Cirúrgico foi o primeiro no Estado a adotar medidas rigorosas de controle com a finalidade de prevenir a contaminação do ambiente e das intervenções cirúrgicas.

Em 08 de novembro de 1991 uma equipe de médicos assumiu o controle do Pronto Socorro e do CTI da Clínica Campo Grande. Nascia então o grupo Procardio.
Essa equipe médica inaugurou em 1992 um ambulatório atendendo diversas especialidades médicas. Dois anos depois, inaugurou-se na Av. Bandeirantes o Procárdio Unidade II, com Pronto Socorro 24 horas, fechado em 16 de março de 1995, quando o grupo assumiu o controle acionário na Clínica Campo Grande.

A equipe não parou de crescer, iniciando-se então um processo de constante modernização. Hoje a Clínica de Campo Grande é um Hospital Geral de médio porte, com 64 leitos, com uma estrutura física vertical, localizada à Rua Marechal Rondon, 1703, na região central.

Toda a trajetória da Clínica Campo Grande, fez com que em 2009 assumisse definitivamente sua real vocação como o HOSPITAL DO CORAÇÃO DE MATO GROSSO DO SUL.

As logomarcas mudaram, mas a tradição em atender bem, e o amor pelas pessoas continuam os mesmos!

 
 

A política de Recursos Humanos se baseia no Planejamento Estratégico Institucional renovado em 2014.

O objetivo é alinhar todas as ações de forma a valorizar o capital humano existente na Instituição, para que desenvolvam e assegurem de forma ética e profissional a excelência no atendimento ao paciente e contribuam com o bom desempenho dos resultados organizacionais.

É nesse sentido que a área de Recursos Humanos atua, trabalhando para captar, treinar e valorizar seus talentos.

A política define as estratégias relacionadas às ações para com seus colaboradores; baseada na Missão e nos Valores da instituição com intenção de divulgar e aplicar os princípios estratégicos.

MISSÃO

Atender pacientes de forma humanizada, com a excelência técnica e científica, na área de cardiologia e especialidades afins. Promovendo uma empresa sustentável, por meio de uma equipe satisfeita e comprometida.

 

VISÃO

Termos o reconhecimento regional e nacional como instituição de excelência em cardiologia e especialidades afins. Ampliar e manter o nível da Instituição, identificando, atraindo e retendo profissionais com potencial técnico, científico e social.

VALORES

Respeito – Ter amor ao trabalho, sendo empático com os pacientes e colegas de trabalho, prezando sempre pela educação e gentileza.

Honestidade – Agir com honestidade, reconhecendo suas limitações e falando sempre a verdade com polidez, decência e dignidade; mantendo discrição e cuidado com as informações do setor e da empresa, presando pelo sigilo e confiança.

Comprometimento – Cumprir com dedicação as tarefas que lhe foram designadas, sendo pontual no horário de entrada e saída, e no cumprimento de prazos, seguindo as regras institucionais e de segurança, trabalhando para o sucesso de todos.

Lealdade – Ser leal e fiel com sua equipe e colegas de trabalho, estabelecendo uma relação de confiança e segurança.

Pró-atividade – Ter atitude proativa, se antecipando na resolução de problemas antes da ocorrência.

Excelência – Ser prestativo para ajudar os colegas quando solicitado, mantendo a organização do ambiente de trabalho e zelando pela qualidade de todas as etapas dos processos de sua autonomia. Aperfeiçoar-se constantemente.

Disponibilidade – Estar disponível para a empresa em casos de urgência, sempre cumprindo com seus compromissos e se responsabilizando por sua palavra.

A experiência, as habilidades e as competências de nossos colaboradores são fatores que agregam valor ao papel da instituição em prol da comunidade, em função disso, a maneira como tratamos os nossos colaboradores e os usuários, o tratamento que cada um dá ao outro dentro da instituição define nossos princípios. Sendo eles:

• Captar o maior número de funcionários dedicados e comprometidos.

• Treinar as competências técnicas e comportamentais necessárias para a execução de suas tarefas.

• Acompanhar sua atuação e desempenho, avaliando suas habilidades.

• Proporcionar uma estrutura delimitada de cargos, funções, atividades e hierarquia.

• Assegurar a Gestão do Clima através de ferramentas de diagnóstico, escuta com os colaboradores e elaboração de plano de intervenção com a Gerência.

• Desenvolver políticas de valorização ao funcionário atuando principalmente na seleção interna, no acompanhamento da rotatividade e absenteísmo.

• Preocupação constante em possibilitar um ambiente de trabalho mais justo e agradável aos funcionários.